" Toda mulher sábia edifica a sua casa, mas a tola derruba-a com as suas mãos". (Provérbios 14:1)

O amor acabou?

O casamento foi instituído por Deus para ser eterno, sendo assim, Ele oferece o Seu amor – que é capaz de sustentar os mais difíceis relacionamentos.

Fiéis até a morte no casamento

"Até que a morte os separe”. Aqueles que estão casados, certamente já ouviram esta frase ou outra semelhante que, proferida com solenidade, veio interligada à declaração de “marido e mulher”, por ocasião dos sagrados momentos de seu enlace matrimonial.

Amando sempre

É muito bom aprendermos a valorizar o que realmente sustenta a vida a dois – o amor. Pois, as colunas que elevam e sustentam o casamento são as palavras, gestos e atos de amor.

Casamento bem - sucedido

Casamento é algo Sagrado, de lealdade entre ambos, é uma parceria. É muito sério, é aliança e amor eterno, porque o Senhor determinou assim.

Divórcio, por que?

Você está se alegrando com o divórcio como se tivesse alcançado uma vitória? No entanto, já se esqueceu que um dia você prometeu amor eterno e fidelidade a esse que hoje está sendo execrado.

As vestes da mulher cristã



Hoje amada gostaria de estar falando sobre as vestes da mulher cristã:

Vamos ver o que diz a palavra do nosso amado Deus sobre as nossas vestes? Como eu já disse aqui a bíblia tem respostas e ensinamentos para tudo. Lá em l Timóteo 3:1-10 está escrito assim:

“Admoesto-te, pois, antes de tudo, que se façam deprecações, orações, intercessões, e ações de graças, por todos os homens; Pelos reis, e por todos os que estão em eminência, para que tenhamos uma vida quieta e sossegada, em toda a piedade e honestidade; Porque isto é bom e agradável diante de Deus nosso Salvador, Que quer que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da verdade.

Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem. O qual se deu a si mesmo em preço de redenção por todos, para servir de testemunho a seu tempo.

Para o que (digo a verdade em Cristo, não minto) fui constituído pregador, e apóstolo, e doutor dos gentios na fé e na verdade.

Quero, pois, que os homens orem em todo o lugar, levantando mãos santas, sem ira nem contenda.

Que do mesmo modo as mulheres se ataviem em traje honesto, com pudor e modéstia, não com tranças, ou com ouro, ou pérolas, ou vestidos preciosos, Mas (como convém a mulheres que fazem profissão de servir a Deus) com boas obras.”

Como acabamos de ler, o Senhor nos revela a Sua vontade em relação a alguns assuntos. A lista começa falando de oração, intercessão, adoração. Quando chega o verso 9, o texto é iniciado com a expressão "que do mesmo modo...". Isso demonstra que o assunto que o Senhor irá tratar a partir desse versículo é tão importante para Ele quanto os anteriores, exigindo de nossa parte a mesma diligência e a mesma atenção.

O Espírito de Deus trata então com muita seriedade o modo de viver e de se vestir das filhas de Deus.

Primeiro, fala sobre a aparência exterior. Parece estranho que o nosso Deus comece pelo exterior. Mas, é assim porque o Senhor está instruindo a mulheres que "fazem profissão de servir a Ele..." (v. 10).

Assim, se esta é a nossa profissão, ou seja, de servir a Deus, se é o nosso ofício, se é o nosso comissionamento, então o nosso exterior deve ser condizente, ou seja, as nossas vestes devem ser adequadas para a profissão que temos de servir ao Senhor.

Diversas vezes na nossa vida secular reconhecemos a profissão de uma pessoa pela vestimenta dela, não é mesmo? Reconhecemos quando é uma aeromoça, ou quando é uma empregada doméstica, ou quando é uma médica. Isso é muito comum. Do mesmo modo, se a nossa profissão de fato é servir a Deus, devemos nos vestir adequadamente.

A Bíblia não contém um encarte de modelos de roupas ou ilustrações de moda para nós mulheres de Deus seguirmos. A Palavra nos ensina PRINCÍPIOS acerca de vários assuntos e sobre esse assunto que estamos tratando hoje também.

Hoje, no meio da Igreja, temos aqueles que proíbem certas vestimentas, e outros que deixam a critério de cada um. Na verdade há exageros nos dois grupos. O primeiro grupo coloca um jugo muito pesado sobre seus membros, pois algumas irmãs por se preocuparem somente com o seu exterior, podem estar expressando uma falsa imagem, quando na verdade no seu interior não são mulheres segundo o padrão de Deus. Se preocupam com o exterior e se esquecem do seu interior como serva do Senhor.

O segundo grupo acaba exagerando na indecência das roupas. Mas, o grande perigo dos que não têm regras é de que muitas vezes não entendem e nem enxergam os PRINCÍPIOS que o Senhor estabeleceu acerca da aparência exterior das suas filhas.

E que PRINCÍPIOS são estes amadas? Bem, o verso 9 fala em honestidade (pureza), pudor (decência) e modéstia (simplicidade). Então, quando vou me vestir devo ter esses princípios na mente e no coração, ou seja, nossas vestes devem ser puras, decentes e simples.

Será que estou com aparência de pureza, será que estou decente, será que expresso simplicidade? Se a resposta é positiva, então, estou fardada como aquelas que têm a ‘profissão de servir a Deus’.

Esses PRINCÍPIOS amada, é bom que se diga, estão sendo muito desprezados hoje. Isso porque a moda do mundo tem entrado no corpo de Cristo e isso tem rebaixado o padrão, levando os critérios a ser abaixo daquilo que o Senhor estabeleceu para nós.

O padrão de decência tem sido rebaixado e extinto, puxando para baixo os decotes e para cima o comprimento das saias. O padrão de pureza tem sido afrouxado, ao contrário do que acontece com as calças, cada vez mais justas e de cós baixo.

É difícil de se vê hoje em dia calças compridas decentes. Uma observação que quero falar é que a bíblia não proíbe as mulheres usarem calças, como muitos pregam, isso é usos e costumes de homens. Como podemos observar nos versículos lidos aqui que o que o nosso Deus quer é decência, pureza e simplicidade em nossas vestes. Quão vulgar é uma mulher que se senta e a calça ou a saia mostra suas partes íntimas!!! Quão vulgar é aquela que revela parte dos seios por causa dos profundos decotes!!! Como há sensualidade nos assim chamados ‘tomara-que-caia’ ( o próprio nome já está dizendo...).

Será que quando nos vestimos, nos arrumamos, nos maquiamos, estamos preocupadas em honrar a nossa profissão (repetindo, que é servir a Deus)?

Um assunto delicado são as roupas de praia e piscina. Não vou entrar em detalhes, mas, devemos nos questionar diante de Deus se nossas roupas de banho correspondem aos princípios bíblicos. Posso dizer que, no geral, a resposta é NÃO. Devemos lembrar que o nosso exemplo não deve ser as filhas das trevas, mas a Palavra de Deus.

Há alguns anos atrás, quando íamos a praia ou piscina, em retiro, por exemplo, víamos uma preocupação das irmãs solteiras, das casadas, das mães concernentes às suas filhas, quanto a roupa de banho. Sou do tempo que a cristã, ou a crente, era tida como atrasada, careta. Penso que o padrão do Senhor não mudou. Não devemos, então, nos adequar a moda do mundo, que cada dia está mais sensual e provocativa. Só para lembrar: “os sensuais não têm o Espírito” (Judas, 19).

Aprofundando um pouco mais, uma mãe que se veste segundo os critérios da Palavra irá ensinar a suas filhas o padrão do Senhor com o seu exemplo e aos filhos a terem critério na hora de escolherem uma esposa (sim, porque homens de Deus, sérios no Senhor observam tudo isso na hora de escolherem uma esposa...). Homens que pertencem a Deus querem mulheres de Deus.

No versículo 10, o Espírito nos revela que devemos nos vestir, ataviar com BOAS OBRAS. Fazemos parte da Noiva do Cordeiro, que está sendo ataviada para as Bodas.

Com certeza amada nós mulheres sabemos quando a roupa que vestimos está decente ou indecente, pois se temos o espírito de Deus, Ele nos incomoda, mas infelizmente muitas fecham seus corações e não querem ouvir o espírito.

Então o que verdadeiramente importa para o Senhor não é se estamos de bermuda, ou calça comprida ou saia, o que importa é que as nossas vestes tem que ser puras, decentes e simples. Mas a maioria prefere ser sensual.

Amada na verdade eu esta semana nem estava pensando em falar sobre vestes, mas Deus colocou no meu coração este assunto, e fiquei mais maravilhada ainda foi quando eu estava em minha casa vendo alguns vídeos na internet do pastor Paulo Júnior, que é um homem de Deus, e um dos vídeos dele fala sobre vestes.

Então quando eu assisti, vi a confirmação de Deus para que eu falasse sobre vestes hoje aqui na rádio. Pois vejo muitas discussões e julgamentos a respeito deste assunto, e a palavra de Deus não é consultada.

O vídeo do pastor Paulo é de 11 min de duração,  veja-o, preste atenção amada, pois esse homem é muito usado por Deus para ensinar e exortar a igreja, estamos precisando de muita exortação do Senhor, pois como igreja Dele temos nos desviado de seus mandamentos e seguido mandamentos e costumes de homens.




Que Deus te abençoe e a toda a sua casa!!

A nossa luta não é contra a carne e o sangue



“Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais” (Efésios 6:12).

A nossa luta não é contra a nossa família, a nossa luta é contra o inimigo de nossas almas. Muitas das vezes olhamos com olhos carnais, e não percebemos o que está por detrás das discussões, das dificuldades e das lutas que enfrentamos no dia a dia em nossos lares. O mundo invisível é muito mais real do que o visível. Discussão em casa por causa de dinheiro, por causa de roupa, etc. O cenário é influenciado por forças malignas e muitas das vezes nem percebemos.

O diabo é mestre em transformar ambientes de paz em guerra. A confusão pode começar com um olhar, com uma palavra, com uma atitude impensada, ou até mesmo por coisas bobas. Precisamos ter discernimento espiritual no nosso dia a dia. “Revesti-vos de toda armadura.” As ciladas vêm e não podemos cair nelas.

A luta é espiritual! Não pense que os problemas entre você e sua esposo são normais, eles são espirituais. Tome cuidado, porque a nossa luta não é contra carne ou sangue, mas contra potestades que querem destruir vidas. A Palavra de Deus é proteção, e alimento para as nossas vidas.

Não pare de ler a Bíblia, ela te fortalecerá durante o dia e se o diabo se levantar contra sua vida e contra a vida de sua família, não alcançará êxito, porque você se revestiu com a Palavra de Deus. Vou dar um exemplo: Quando temos dificuldade em usar uma geladeira nova que acabamos de comprar, o que fazemos então?

Entendemos que o fabricante, que escreveu o manual do usário, sabe mais sobre o aparelho do que nós, não é verdade? Então lemos o manual para resolver o problema, não é mesmo? E agora, quando temos problemas em nossa família, seja com o esposo ou com os filhos, o que fazemos? Quem é o Criador da família, e escreveu o manual do usuário? Sabemos que é Deus quem instituiu a família, e que o manual que Ele nos deu foi a sua palavra.

Precisamos ler esse manual para acharmos como construir e manter bons lares. Encontramos estas instruções na Bíblia. Ela nos guia em cada situação que passamos no nosso dia a dia, incluindo a realização de nossos papéis dentro da família.

Mas infelizmente um dos maiores erros que os cristãos cometem é não ler a palavra do Senhor. Aí eu pergunto: Como sobreviverão aos ataques de satanás, se não conhecem a palavra de Deus? Lembre-se amada, existe uma batalha invisível e precisamos estar preparadas para ela buscando no Senhor o conhecimento da sua palavra, pois, é por falta de conhecimento que muitos cristãos tem perdido suas batalhas “...errais por não conhecer as escrituras, nem o poder de Deus” (Mt. 22:29)

Então a nossa luta não é contra o nosso esposo, e nem contra os nossos filhos, mas é sim contra o mundo espiritual que não vemos, mas que está o tempo todo trabalhando para nos derrubar e também derrubar a nossa família.

É muito difícil corrigir anos de erros que cometemos. Mas está claro que o único modo pelo qual podemos esperar ter nossa família construída nos princípios divinos, é voltar ao plano e vontade de Deus. Temos que ler a Bíblia, aprender estes princípios, aplicá-los em nossas vidas, e ensiná-los aos nossos filhos e aos outros.

Lembre-se, os benefícios serão eternos!

Agora eu te pergunto: Será que nós estamos construindo o nosso lar sobre a fundação da palavra de Deus? Será que o nosso lar está sendo construído sobre a rocha que é Cristo?

Que possamos meditar, e lembrarmos que a nossa luta não é contra ninguém, mas sim contar satanás e seus anjos, e só conseguiremos vencê-lo através da oração e leitura da palavra do Senhor, fazendo-a se cumprir em nossas vidas.

Que Deus te abençoe e a toda a sua família também.

O nosso lar


O lar é o principal ambiente onde os filhos e os pais aprendem a sabedoria de Deus e descobrem como aplicá-la.
É no lar em que os relacionamentos são construídos com base na comunicação e entendimento mútuo, e onde as crianças e os adultos aprendem e crescem amando a Deus e ao seu próximo também. 

O papel da mulher inclui em ajudar os membros de sua família a se entenderem dentro de casa e a criar um ambiente em que cada membro da família possa se sentir inteiramente aceito e seguro. 
A mulher de Deus governa bem o seu lar, e não come o pão da preguiça. Ela é uma boa esposa e ama seu marido, ela é uma boa mãe e ama seus filhos, ela é uma mulher hospitaleira e recebe a todos bem e com prazer, ela é uma boa dona de casa. 

A mulher sábia edifica o seu lar, tanto fisicamente como espiritualmente, o seu lar é um refugio das tempestades da vida. É uma mulher que ora, jejua, lê as escrituras sagradas, e não somente isso, ela vive e testemunha para sua família o que ela aprende com Deus, ou seja, ela é um exemplo de vida para sua família!!Ao cuidar do lar, a mulher precisa de sabedoria e amor para que sua casa reflita paz, comunhão e amor. 

As tarefas domésticas são extremamente valorizadas na bíblia, então a mulher de Deus ensina as suas filhas a serem boas donas de casa, a quando se casarem amarem seus maridos e filhos, a serem castas, moderadas, sujeitas a seus maridos, ou seja, a educação de suas filhas gira em torno do marido, dos filhos, do lar. 

Como está escrito lá em Tito 2:3-5
“As mulheres idosas, semelhantemente, que sejam sérias no seu viver, como convém a santas, não caluniadoras, não dadas a muito vinho, mestras no bem;Para que ensinem as mulheres novas a serem prudentes, a amarem seus maridos, a amarem seus filhos,A serem moderadas, castas, boas donas de casa, sujeitas a seus maridos, a fim de que a palavra de Deus não seja blasfemada”.

Amada, o nosso bom testemunho de vida começa no nosso lar, tenho visto mulheres cristãs que fora do lar aparentam ser boas cristãs, mas em casa não dão bom testemunho de vida. Infelizmente são mulheres iracundas, nervosas, insubmissas, não instruem seus filhos, nem sequer tem paciência de ouví-los. 

Precisamos edificar nos lares, muitos lares estão sendo destruídos, e infelizmente muitas das vezes nós mulheres temos grande parcela de culpa!!

Muitas de nós sabemos o que precisamos mudar, então que possamos lutar por essas mudanças, pois sabemos que a qualquer momento o nosso Senhor Jesus vai voltar, e o que vamos apresentar a Ele? Será que Ele se importará com o trabalho que tivemos aqui na terra? Será que Ele se importará com as roupas novas que compramos? Ou com que comemos? Não que essas coisas não sejam importantes, mas infelizmente elas tem tomado o primeiro lugar muitas das vezes de nossas vidas. 

Eu creio que Jesus se importará sim se edificamos nossos lares, se fomos submissas e ajudadoras de nossos maridos, se amamos e instruímos nossos filhos no caminho Dele, se testemunhamos para outras mulheres.

Veja o que está escrito lá em Lucas 12: 15-21
“E disse-lhes: Acautelai-vos e guardai-vos da avareza; porque a vida de qualquer não consiste na abundância do que possui.
E propôs-lhe uma parábola, dizendo: A herdade de um homem rico tinha produzido com abundância;
E arrazoava ele entre si, dizendo: Que farei? Não tenho onde recolher os meus frutos.
E disse: Farei isto: Derrubarei os meus celeiros, e edificarei outros maiores, e ali recolherei todas as minhas novidades e os meus bens;
E direi a minha alma: Alma, tens em depósito muitos bens para muitos anos; descansa, come, bebe e folga.
Mas Deus lhe disse: Louco! esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparado, para quem será?
Assim é aquele que para si ajunta tesouros, e não é rico para com Deus”.

Tá vendo amada? Este homem só pensou em ajuntar tesouros aqui nesta terra, mas não pensou em ajuntar tesouros no céu. E infelizmente temos visto hoje em dia uma sociedade egoísta e ambiciosa, que só pensa nas coisas desta terra, só pensam em dar coisas materiais para seus filhos, mas não pensam em dar o melhor para eles, que é Jesus, o pão da vida!!

E se nós mulheres de Deus não estivermos ligadas e alicerçadas em Cristo, acabamos aceitando esse padrão de vida passageira e vazia, e nos esquecemos da eternidade que nos está reservada para todos aqueles que temem e obedecem a vontade de Deus em suas vidas!!

Um lar alicerçado no Senhor Jesus e sob os cuidados de uma mulher que busca a sabedoria, e o conhecimento de Deus a cada dia que se levanta, permanece firme em meio às tempestades da vida. Um lar que é edificado por uma mulher sábia, todos que ali residem recebem como herança a vida eterna!! Tem herança melhor do que esta amada?

Então que possamos ser mulheres virtuosas, mulheres que edifiquemos os nossos lares amém?

Motivos de brigas no casamento


Vou falar agora sobre alguns motivos, que levam casais a brigarem ou até mesmo a se separarem. Sabemos que nenhuma de nós mulheres, somos perfeitas, não é verdade amada?

E os nossos maridos, será que eles são perfeitos? Sabemos que eles não são perfeitos também.
Agora vamos pensar um pouco: Quando casamos, levamos para o casamento os nossos bons e maus costumes, tanto nós mulheres, como nossos maridos. Vou dar alguns exemplos: Muitas das vezes nós mulheres somos mais organizadas que os nossos maridos, não é mesmo? E por sermos mais organizadas e eles nem tanto, exigimos deles que eles também sejam como nós organizados.

Eu por exemplo sempre fui muito organizada, não gosto de ver nada fora do lugar, mas o meu esposo não é tão organizado como eu, então isso foi motivo de algumas discussões entre nós, mas graças à misericórdia do nosso Deus, Ele me fez perceber que nem todo mundo é igual ao outro, e que eu não poderia querer que o meu esposo fosse igual a mim. 

Amada, todos nós somos diferentes uns dos outros, não podemos querer que os nossos maridos sejam iguais a nós, e além disso pude perceber que sou até um pouco exagerada na organização. Já vi casais brigando por causa de toalha molhada, ou por causa que o marido é distraído, ou por causa que a tampa do vaso está urinada, brigando por causa do controle da tv, e por várias situações que por menor que sejam, se tornam em grandes brigas e até causam motivos de separação entre o casal. Muitos casais casam-se pensando que estão se casando com um príncipe perfeito ou com uma princesa perfeita. E sabemos que isso não é verdade, não é mesmo?

Amada, se entendermos que nós mulheres de Deus também somos falhas e que precisamos também da compreensão dos nossos maridos por causa das nossas falhas, ficará mais fácil entendermos as dificuldades deles e suportarmos uns aos outros em amor.

É muito sério o que eu estou falando!! Conheço muitos casais que se separaram por causa de motivos até bobos, mas que infelizmente para eles se tornaram seríssimos, e motivos esses acabaram em divórcios. E nós mulheres também temos grande parcela de culpa nas separações, pois muitas das vezes queremos que os nossos maridos sejam como nós, digo isso por mim mesma, quantas vezes eu quis que o meu esposo fosse como eu queria, e não pensava nem um pouco nos sentimentos dele.

Dou um conselho a você amada irmã: Liberte seu marido do fardo de ter que satisfazer todas as suas necessidades! Busque sua satisfação no Senhor!! Aceite seu marido como ele é, e não tente mudá-lo! Pois se tiver alguma necessidade dele mudar, peça para que Deus venha mudá-lo. Se o seu casamento está passando por alguma crise, peça ajuda a Deus para que Ele te mostre a onde você também está errando, e não se esqueça: Seu esposo não é perfeito, como você também não é, todos nós necessitamos das misericórdias do Senhor. Então tenha também misericórdia de seu esposo, pois está escrito em Tiago 2:13

“Porque o juízo será sem misericórdia sobre aquele que não fez misericórdia; e a misericórdia triunfa do juízo”.

Que Deus possa ter misericórdia de nós, e que venhamos cada dia mais sermos mulheres virtuosas e mulheres sábias que edificam os seus lares, amém?

Sábias aos nossos próprios olhos ou aos olhos de Deus?



Amada,!! Existe um versículo na bíblia conhecido de quase todas nós, está lá em Prov. 14:1 que diz assim: “Toda mulher sábia edifica a sua casa; mas a tola a derruba com as próprias mãos”.

Agora vou fazer uma pergunta: Será que nós mulheres temos sido sábias aos nossos próprios olhos, ou aos olhos de Deus? Para você entender, vou ler lá em (Provérbios 3:7):
 “Não sejas sábio aos teus próprios olhos; teme ao SENHOR e aparta-te do mal”.

Muitas das vezes amada pensamos que somos sábias por nossa própria conta. E o que é ser sábia aos nossos próprios olhos? É quando tomamos decisões sem perguntarmos ao Senhor se essa é sua vontade. E quando pensamos que já sabemos como agir, é nessa hora que infelizmente entra a soberba, a arrogância e a presunção, que são sentimentos de quem se acha que é alguma coisa sem o Senhor.

Amada, quando fazemos algo ou tomamos alguma decisão sem perguntarmos a Deus qual é a sua vontade , estamos com isso dizendo que não precisamos Dele. E será que realmente não precisamos de Deus em qualquer momento de nossas vidas? Ou será que precisamos Dele somente em algumas áreas de nossas vidas?

Como já citei toda mulher sábia edifica a sua casa, mas a tola derruba-a com as suas mãos. Essa mulher sábia que edifica a sua casa, com certeza não age sem orar e sem pedir sabedoria a Deus, com certeza a mulher verdadeiramente sábia é totalmente dependente do Senhor, mas aquela que não é dependente da vontade de Deus com certeza é louca e derruba a sua casa.

Amada o que diz na oração do Pai nosso que Jesus nos ensinou? Diz: Pai seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu. Muitas das vezes falamos isso para Deus, mas infelizmente acabamos tomando o lugar Dele e nos achando sábias aos nossos próprios olhos e que já podemos escolher sem a direção Dele os nossos próprios caminhos. Veja o que diz a palavra do Senhor em Pv 14:12: "Há caminhos que ao homem parece direito, mas o fim deles é a morte”.

Muitas das vezes sofremos por nossa própria culpa, pois não dependemos de Deus. Não podemos viver como se Ele não existisse, ou, embora existindo, não tenhamos a necessidade da aprovação Dele para tudo que formos fazer. Não sabemos como viver neste mundo sem a total dependência de Deus. Ai de nós se não for a direção e o conselho do Senhor em nossas vidas!!

Quando fazemos algo ou tomamos alguma decisão sem levar a Deus em oração, sem antes pedir sabedoria do alto para fazer a vontade Dele, estamos sendo sábias aos nossos próprios olhos. Ser sábia aos próprios olhos é algo terrível. Na verdade, é pecado porque é orgulho.

É muito sério amada!! As mulheres que se julgam sábias aos seus próprios olhos não temem ao Senhor, porque vivem no seu dia a dia conforme a sua própria vontade, escolhendo por conta própria seus caminhos, não deixando que Deus lhes mostre o certo e o errado, não deixando que Deus lhes mostre a maneira santa de viver e de agir.

Tais mulheres amada, não se preocupam com isso, pois se acham sábias o bastante para terem discernimento próprio sobre as coisas desta vida. Infelizmente são arrogantes e soberbas.

Consequentemente, as sábias aos próprios olhos não conseguem apartar-se do mal, pois elas não têm condições de discernirem a vontade de Deus sem a ajuda do Espírito Santo.

Já as mulheres que temem ao Senhor e que, portanto, não são sábias aos seus próprios olhos, mas sim, aos olhos do Senhor, são libertas de muitos pecados, justamente por temerem ao Senhor, por receberem  dEle, discernimento e sabedoria para viver a vida cristã com saúde e refrigério espiritual. Agora eu pergunto a mim e a você amada: Aos olhos de quem nós mulheres temos sido sábias: aos nossos próprios olhos ou aos olhos de Deus?


Amada que este versículo que vou ler agora possa fazer parte de nossas vidas. Está lá em Prov. 16:20, que diz assim: "Quem examina cada questão com cuidado, prospera, e feliz é aquele que confia no Senhor."

Portanto nós mulheres sábias, devemos sim examinar cada questão, cada situação e pedirmos o conselho do Senhor e seguir a sua vontade, pois o nosso amado Deus sempre quer o melhor para nós. Devemos sempre confiar em Deus.

Então não sejamos sábias segundo as nossas próprias vontades, mas sim sábias segundo a vontade do nosso Deus. E em tudo o que fizermos seja feito segundo a vontade do Senhor e não a nossa, tudo para honra e glória Dele, pois só assim iremos prosperar em nossas vidas espirituais e não somente em nossas próprias vidas, mas também na vida de toda a nossa família, pois se seguirmos a sabedoria do Senhor, com certeza seremos mulheres virtuosas e sábias que edificam o seu lar, amém?

Como escaparemos nós, se não atentarmos para uma tão grande salvação


Gostaria de compartilhar com você amada ouvinte uma palavra que Deus tem me tocado. Está lá em Hebreus 2:3:

“Como escaparemos nós, se não atentarmos para uma tão grande Salvação, a qual, começando a ser anunciada pelo Senhor, foi-nos depois confirmada pelos que a ouviram".


Primeiro temos que entender que todas nós somos pecadoras, como está escrito lá em Romanos 3:10-18, 23: 
"Não há um justo, nem um sequer.
Não há ninguém que entenda; Não há ninguém que busque a Deus.

Todos se extraviaram, e juntamente se fizeram inúteis. Não há quem faça o bem, não há nem um só.

A sua garganta é um sepulcro aberto; Com as suas línguas tratam enganosamente; Peçonha de áspides está debaixo de seus lábios;

Cuja boca está cheia de maldição e amargura.

Os seus pés são ligeiros para derramar sangue.

Em seus caminhos há destruição e miséria;

E não conheceram o caminho da paz.

Não há temor de Deus diante de seus olhos".
"Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus".


Agora vou fazer uma pergunta: Por que precisamos de Salvação?


Muitas dizem: Eu sou boa, ajudo as pessoas, cumpro os mandamentos, que são: não matarás, não furtarás, não roubarás, etc. Esse é o padrão humano, essas são algumas desculpas que as pessoas dão para não reconhecerem que são pecadoras e que precisam de salvação.

Todas as coisas boas que praticamos não nos fazem corretas diante de Deus, muitas das vezes não roubamos, mas mentimos, muitas das vezes não matamos, mas falamos mal do nosso próximo, muitas das vezes não adulteramos, mas cobiçamos algo do nosso próximo. Então todas nós cometemos pecado e necessitamos e precisamos sim de salvação, pois um dia todas nós estaremos diante do Senhor.


É preciso arrependimento – mudança de atitude, mudança de comportamento.

Como João Batista disse: Produzi, pois frutos dignos de arrependimento. E o que são frutos dignos de arrependimento, você sabe?


É quando nós pecamos e nos arrependemos de verdade, e por consequência desse arrependimento, não praticamos mais aquele mesmo erro, não vivemos mais na prática propositalmente daquele mesmo pecado, e produzimos sim, frutos de justiça, ou seja, se alguém roubava, e se arrependeu, então não vai roubar mais, se alguém mentia ou falava mal do seu próximo e se arrependeu, então não cometerá mais os mesmos erros.


Arrependimento é diferente de remorso. Quando sentimos remorso de algo que fazemos errado nos entristecemos, mas logo depois de um tempo voltamos a fazê-lo novamente, pois não nos sensibilizamos verdadeiramente do mal que causamos.


E já o arrependimento é uma mudança de atitude, a pessoa arrependida toma uma firme decisão de não mais cometer o mesmo erro, para não mais causar mal aos outros ou a si mesmo. A mulher arrependida se afasta do pecado. Por isso é que todo mundo precisa se arrepender de seus pecados, pois todos somos pecadores, e necessitamos de salvação.


Conclusão:

Então, nós que já fomos salvas, devemos atentar para essa tão grande Salvação que nos foi dada através do Filho de Deus, Jesus Cristo.

Como está escrito: “Como escaparemos nós, se não atentarmos para uma tão grande salvação, a qual, começando a ser anunciada pelo Senhor, foi-nos depois confirmada pelos que a ouviram” – Hebreus 2:3. 

E o que é atentar? É prestarmos mais atenção, darmos mais valor a essa tão grande salvação que nos foi dada de graça através de Jesus, o Filho de Deus, como está escrito em Atos 4:12:

"E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos"


E também lá em Romanos 10:9: “A saber: Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo”


Amada, precisamos reconhecer que somos pecadoras, nos arrependermos e crermos que somente em Jesus Cristo podemos ser salvas e herdarmos a vida eterna, pois como escaparemos nós se não atentarmos para uma tão grande salvação?


E com certeza se nós mulheres dermos mais valor a essa salvação que nos foi dada de graça, seremos mulheres mais virtuosas, mulheres mais sábias, mulheres que edificam mais os seus lares, mulheres mais ajudadoras de seus maridos, seremos exemplo de vida, pois viveremos sim uma vida de arrependimento e gratidão ao nosso amado Deus e ao seu Filho Jesus Cristo.
Que Deus te abençoe!!



O que é a vida?


 
"Os dias da nossa vida chegam a setenta anos, e se alguns, pela sua robustez, chegam a oitenta anos, o orgulho deles é canseira e enfado, pois cedo se corta e vamos voando". (Salmos 90:10)

"Os meus dias são como a sombra que declina, e como a erva me vou secando". (Salmos 102:11)

"Quanto ao homem, os seus dias são como a erva, como a flor do campo assim floresce. Passando por ela o vento, logo se vai, e o seu lugar não será mais conhecido". (Salmos 103:15-16)

"Porque Toda a carne é como a erva, e toda a glória do homem como a flor da erva. Secou-se a erva, e caiu a sua flor". (I Pedro 1:24)

"Digo-vos que não sabeis o que acontecerá amanhã. Porque, que é a vossa vida? É um vapor que aparece por um pouco, e depois se desvanece". (Tiago 4:14)

"E propôs-lhe uma parábola, dizendo: A herdade de um homem rico tinha produzido com abundância; E ele arrazoava consigo mesmo, dizendo: Que farei? Não tenho onde recolher os meus frutos. E disse: Farei isto: Derrubarei os meus celeiros, e edificarei outros maiores, e ali recolherei todas as minhas novidades e os meus bens; E direi a minha alma: Alma, tens em depósito muitos bens para muitos anos; descansa, come, bebe e folga. Mas Deus lhe disse: Louco! esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparado, para quem será?" (Lucas 12:16-20) .

Ouvi alguém falar algo que nunca mais esqueci: “Quando o homem nasce, ele começa a trilhar um caminho rumo à sepultura.” Esta foi uma das mais lúcidas conclusões que já ouvi sobre a realidade do ser humano. As implicações disto são profundas e não há ser humano que possa escapar disto. Pode ser ele rico ou pobre; branco ou negro; culto ou analfabeto; jovem ou velho. Este é o destino da trajetória de todos os seres humanos aqui na terra. Imaginemos uma pintura que representasse isto: um pequenino homem surgindo numa reta, cujo extremidade oposta é uma sepultura...seria útil que um quadro deste fosse pintado e distribuido gratuitamente, para que, diariamente, o homem lembrasse de seu destino inevitável e talvez reduzisse sua arrogância.

Os homens tentam não lembrar dessa realidade e gastam suas vidas buscando o que é passageiro. Nesta trajetória amam os primeiros lugares e as posições elevadas. Amam saciar sua carne, não se importando com o que Deus pensa a respeito. Passam por cima de tudo e constroem coisas sobre um fundamento que se desfará. Por mais que digam que sabem do caráter extremamente passageiro desta vida, vivem como se isto fosse algo distante. E muitos são pegos de surpresa. E muitos ficam chocados quando alguém próximo repentinamente partiu na frente.

No entanto, o Senhor nos ensina a não temer a primeira morte, isto é, a da carne.


"E não temais os que matam o corpo e não podem matar a alma; temei antes aquele que pode fazer perecer no inferno a alma e o corpo".


Mat. 10:28


Quando o homem pecou, ele ficou sujeito a morte e não terá como escapar disto, pois é este o salário do pecado (Rm. 6:23). A morte que o homem deve temer não está relacionada a uma sepultura terrena, mas a uma sepultura eterna, uma separação eterna de Deus, sem esperança alguma.


"E a morte e o inferno foram lançados no lago de fogo. Esta é a segunda morte. E aquele que não foi achado escrito no livro da vida foi lançado no lago de fogo".

(Apoc. 20: 14-15)


"Há uma só esperança para todos os homens: a obra da reconciliação com Deus que Jesus fez na cruz (Ef. 2). Só através dela, o homem pode restabelecer seu acesso a Deus. Jesus é o Caminho, a Verdade e a Vida (Jo. 14:6). Esta obra é acessível a qualquer homem através de uma decisão profunda de arrependimento (At. 2:38) e entrega de sua vida para o controle divino. Feito isto, o Senhor Jesus mudará a trajetória da vida do homem. A sepultura terrena continuará a ser uma realidade causada pelo pecado, mas após esta realidade acontecer, há uma vida de comunhão eterna com o Pai da Eternidade, reservada para aqueles que de fato entregaram suas vidas ao Senhor. Porém, lembremos que Jesus é a Verdade e a Vida, mas também é o Caminho, e alguém que está Nele terá um andar transformado, que continuará após a morte física".


"Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas: O que vencer não receberá o dano da segunda morte".

Apoc. 2:11


"Bem-aventurado e santo aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre estes não tem poder a segunda morte... "

Apoc. 20:6


"Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá'.

João 11:25


Os homens passaram a evitar a Bíblia por saberem desta realidade. Escondem-se atrás de uma ignorância calculada da Palavra de Deus e refulgiam-se nos zombadores e nos falsos intelectuais, que ganham a reputação de sábios por tentarem desfazer da Palavra de Deus. Todos eles passam e se vão juntamente com suas teorias....e a Palavra de Deus permanece.

Porém há outros que se apegam às filosofias religiosas não fundamentadas na verdade do evangelho de Jesus. Estas filosofias não entram em conflito com os desejos do homem, mas conduzirão à mesma perdição. Jesus disse que somente aquele tem seus mandamentos e os guarda, é o que o ama (João 14:21).


"E, como aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo'.

Hb. 9:27


'Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele. Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus. E a condenação é esta: Que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque as suas obras eram más. Porque todo aquele que faz o mal odeia a luz, e não vem para a luz, para que as suas obras não sejam reprovadas. Mas quem pratica a verdade vem para a luz, a fim de que as suas obras sejam manifestas, porque são feitas em Deus".

João 3: 16-22


"Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus. Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas? E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade. Todo aquele, pois, que escuta estas minhas palavras, e as pratica, assemelhá-lo-ei ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha; E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e não caiu, porque estava edificada sobre a rocha. E aquele que ouve estas minhas palavras, e não as cumpre, compará-lo-ei ao homem insensato, que edificou a sua casa sobre a areia".

Mat. 7: 21-26


Que possamos conduzidos para a única vida, que está em Jesus, o Filho de Deus, pois somente Ele pode nos dar a verdadeira e única vida, "A VIDA ETERNA".







Deus é suficiente para mim


Para Quem Está Frustrado, Incompleto, Não Realizado... 

Quero lhe dizer que 
Deus é suficiente. Somente Deus. 

Se eu tiver tudo o que meu coração pode desejar, e não tiver Deus, não tenho nada. 



Se eu tiver Deus, e nada além dEle, tenho tudo. 


Meu coração precisa ser convencido disso. 
Somente então poderei viver em paz. 
De outra forma, sempre haverá algo mais que preciso urgentemente, 
desesperadamente. 
E esta falta, esta urgente necessidade de preencher o vazio, haverá sempre de me impulsionar à distração e destruir minha paz e meu repouso, minha quietude e confiança no Senhor. 

Isto não significa que não haverei de reconhecer outras coisas que podem ser consideradas necessidades. 

É só que, ao mesmo tempo que posso vê-las como boas ou desejáveis, 
se estiverem dentro da vontade e do propósito de Deus para mim, 
não as verei como necessidades finais ou essenciais. 

Não as verei como necessidades essenciais, porque Deus, e nada além de Deus, é minha única necessidade essencial. 

E o que Ele me dá, da forma e no prazo em que o der, está ótimo para mim. 


Pois, no final das contas, Ele é suficiente para mim. 

Sim, tenho o que os homens consideram responsabilidades. 
Mas somente aquelas que me foram dadas por Deus são verdadeiramente minhas. 

E não são propriamente responsabilidades; são oportunidades,
para servir e para agradar Aquele que é tudo o que preciso, e, por sua graça, cada vez mais, tudo que eu desejo. 


Muito obrigado meu Deus por me dá tudo aquilo que minha alma necessita para o meu crescimento espiritual, mas principalmente por seu Filho Jesus Cristo que morreu em meu lugar, pois através dEle tenho a vida eterna.