15 de novembro de 2011

Você acordou hoje, por que?




Quão cego, pobre e nú nós somos quando lembramos que Deus é justo! Como ainda podem existir pessoas que se acham no direito de exigir bençãos materiais, ou prosperidade mundana, quando Deus, em Seu infinito amor, já nos deu o Seu próprio Filho? Ele já nos deu tudo! 

Você já parou e por um momento se perguntou porque é que você acordou hoje? Eu sei, é uma pergunta inusitada, mas saiba que fará todo o sentido quando você lembrar de quem você foi no dia anterior. 

Quando lembrar dos teus pensamentos maus, das tuas atitudes egoístas, das vaidades inúteis, do teu desprezo por teu semelhante, do tempo perdido empregado em tudo quanto não te aproximou um milímetro de Deus. Se fizer isso, ou melhor, se tiver coragem de olhar com sinceridade para si mesmo, então você terá que responder uma outra questão: Como Deus ainda não acabou comigo? 

Consegue perceber quem você é nesta história? Isso mesmo, você é apenas a criatura mergulhada em uma natureza de pecado, que freqüentemente surta e começa a sustentar atitudes que revelam nada menos que sua profunda insanidade. Assim é todo aquele que está surfando a onda profética moderna a qual podemos equiparar com uma corrida desenfreada para a satisfação das concupiscências da carne, das concupiscências dos olhos e da soberba da vida. 

De fato tudo isso converge em uma bela obra regida por falsos mestres e falsos profetas. Digo bela, porque o que é desprezível não atrai o olhar de ninguém. O pecado se faz agradável aos olhos, produz desejo e, é claro, no final mata, mas isso não é importante não é mesmo?

Já aquele, em sua imutável justiça e imensurável amor, decidiu enviar a nós o Seu melhor, porém não segundo os padrões deste mundo. Assim Seu Filho veio, sem parecer, nem formosura, sem nada que pudéssemos desejá-lo. Desprezado e indigno diante do julgamento dos homens, Ele fora simples e experimentado no sofrimento. 

Alguém que, como foi em seus dias, ainda continua sendo tratado com descaso, a diferença é que os que hoje assim fazem, orgulham-se de serem chamamos "seus seguidores". 

Será que não percebem? Deus poupou os anjos? Deus poupou o Seu próprio Filho quando naquela cruz o pecado do mundo inteiro o dilacerava? Pensa que és mais do que qualquer outra coisa? Pela manhã se voltares a abrir os olhos, acorde(!) e por um momento contemple o amor misericordioso que está te envolvendo mais uma vez. 

Sigamos durante todo o dia submersos neste temor. Façamos o bem que deve ser feito, pois pode ser o nosso último dia, pode ser a nossa última chance de correspondermos com este amor antes do acerto de contas. 

Precisamos decidir de que lado estamos. O mundo é do diabo. Este mundo jás no maligno! Então, por favor paremos de uma vez por todas de usarmos pretextos e garimparmos textos bíblicos isolados para justificar a nossa ganância. Acomodai-vos as coisas simples e humildes, do contrário correremos o risco de sermos possuídos por nossas posses

Elas nos dominarão e então chegará o dia, entre a cruz e a espada, que nós teremos que escolher a quem serviremos e neste dia, amparado em  nossas "riquezas", não pensemos que estaremos prontos para ignorar a dúvida que sutilmente se enraizou no nosso coração.


Meu irmão, ou minha irmã, se  precisamos de qualquer coisa além do próprio Cristo para nos decidirmos abandonarmos nossas próprias vidas, então saibamos que continuaremos perdidos!


Aprendamos isso agora, será melhor para nós, porque quando  estivermos num leito de morte, a única coisa que preencherá os nossos pensamentos serão os dias em que nós desperdiçamos com coisas sem valor algum para a eternidade.

Os dias não são presentes de Deus para podermos concluirmos nossos planos medíocres nesta terra, os dias revelam apenas que: Ele ainda conta conosco ! Ele quer que produzamos frutos para o seu reino !! 


Que Deus vos abençoe.

0 comentários :

"Amada, o nosso bom testemunho de vida cristã começa dentro do nosso lar".
QUAL O PAPEL DO MARIDO E DA MULHER DENTRO DO LAR?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...